right_side

Seguidores

Mais borrifados

hipocrisia (26) Mallu Magalhães (24) brasil (15) São Paulo (13) futebol (11) globo (11) música (8) política (8) PT (6) Rede Globo (6) Rodolover (6) lula (6) malandragem (6) Olimpíadas (5) Rodolover posta aí (5) SPFC (5) corinthians (5) trânsito (5) Abercrombie and Fitch (4) Rodolover o borrifador turista (4) Subcelebridade (4) arte (4) brasileiros (4) che guevara (4) chico buarque (4) cult (4) educação (4) juventude (4) modismo (4) movimento homossexual (4) obama (4) politicamente correto (4) rodolover sumiu daqui (4) rodoponey vo te dar uma porrada (4) 3d (3) Big Brother Brasil (3) MTV (3) Rio de Janeiro (3) Rodolover Agora é espanhol? (3) Rodolover some daqui (3) Toca Raul (3) balada (3) bbb (3) borrifada (3) borrifadinhas (3) brasileiro (3) carnaval (3) cinema (3) esquerdistas (3) gosto música (3) grandes eventos (3) leis (3) los hermanos (3) marketing (3) modinha (3) paulista (3) rodolover to postando (3) rodoponoy some daqui (3) romário (3) shopping (3) sustentabilidade (3) Amy Winehouse (2) Anti-social (2) Dilma (2) Direita (2) Eleições 2014 (2) Esquerda (2) Exército (2) Formula 1 (2) Gloria do Desporto Nacional (2) Inclusão digital (2) Indy (2) MPB (2) Mallu Magalhaes (2) Metallica (2) Michael Jackson (2) Muricy Ramalho (2) Mussum (2) Natal (2) Nelson Piquet (2) NxZero (2) ONGs (2) Olimpíadas 2016 (2) Pink Floyd (2) Politcos (2) Rico (2) Rio (2) Rock (2) Rododrunk (2) Rodolover vai pra Espanha virar Pederasta? (2) Rogério Ceni (2) Rubinho (2) São Paulo FC (2) academia (2) amor (2) ano novo (2) backstreet boys (2) big brother (2) blog (2) bolados de rave (2) burocracia (2) caetano veloso (2) chatice (2) corrupção (2) crise (2) críticos (2) democracia (2) dinâmica de grupo (2) espero que o São Paulo se recupere no Brasileiro (2) essência (2) facebook (2) falsidade (2) força sindical (2) férias (2) gaúcho (2) geração (2) globo.com (2) gordas (2) jazz (2) jeitinho (2) jovens (2) justiça (2) malandros (2) medo (2) mentira (2) moda (2) morumbi (2) mulheres feias (2) mulheres frescas (2) musica ruim (2) naturebas (2) nova geração (2) novela (2) orkut (2) palmeiras (2) periferia (2) playba (2) populismo (2) povo (2) proibição (2) protestos (2) rolezinhos (2) rádio (2) samba (2) sertanejo (2) tecnologia (2) trabalho (2) turismo (2) wwf (2) Ética (2) índia (2) #VaiTerCopa (1) 1000 (1) 17 e mais (1) 2013 (1) 2014 (1) 3G (1) 500 (1) Aquecimento Global (1) Astro (1) Banda Gloria (1) Barrichello (1) Belo Horizonte (1) Beyoncé (1) Billy (1) Black Dog (1) Bohemian Rhapsody (1) Bono vox (1) Brawn GP (1) Brazil (1) Britiain's got talent (1) Bronze (1) CUT (1) Cacildis (1) Camargo Correa (1) Canadá (1) Cansei de Ser Sexy (1) Charlie Brown Jr. (1) Clodovil (1) Clássico (1) Coca-cola (1) Colírios da Capricho (1) Conspiração (1) Copa do Mundo 2014 (1) Daiane dos Santos (1) David after dentist (1) Debate Bola (1) Demônios da Garoa (1) Desenho (1) Desorganização (1) Detroit Rock City (1) Diego Hipólyto (1) Diogo Mainardi (1) Diáspora Romana (1) Dona Zuleica é o nome da Mãe do Popó (1) Doug Funnie (1) Doug Funnie bixa (1) ENADE (1) El Salvador (1) Engenhão (1) Estados Unidos (1) Exclusão social (1) Fake (1) Felipe Massa (1) Folha Online (1) Fora Sarney (1) França (1) Fresno (1) Galvão Bueno (1) Gene Simmons (1) Gilberto Gil (1) Gostosas da Globo dão a bunda sem pudor (1) Grunge (1) Heavy Metal (1) Hermes e Renato (1) Holanda (1) Inglaterra (1) JK iguatemi (1) Jacarés (1) Jack Johnson (1) Jean Willys (1) Jennifer Aniston (1) Jeremias (1) Jesus Luz (1) John Mayer (1) Jon Lord (1) Juca Ferreira (1) Justin Bieber (1) Keisha (1) Kiss (1) Kurt Cobain (1) Lei Rouanet (1) Lei Seca (1) Licitações (1) Linhares (1) Lobão (1) Locaweb (1) Lotus (1) Luciano Huck (1) Luiz Felipe Pondé (1) MS-DOS (1) MSN (1) Madonna (1) Mais Médicos (1) Mamonas Assassinas (1) Manaus (1) Marcos (1) Meio-ambiente (1) Merda (1) Mestre Tele (1) Mexicanos são feios (1) Michael Moore (1) Michel Teló (1) Movimento Passe Livre (1) Mudhoney (1) Museum (1) Myspace (1) Nacionalismo (1) Nana Gouvêa (1) Nelson Priquet (1) Nevermind (1) Nirvana (1) O talentoso Ripley (1) PSOL (1) Pacha (1) Pan 2007 (1) Parabéns Lorena (1) Parangolé (1) Paris (1) Paul Stanley (1) Pearl Jam (1) Pedro Bial (1) Perua (1) Políca Federal (1) Putaria (1) Pânico na TV (1) Quadrinhos (1) Rebolation (1) Rei do Pop (1) Ricardo Gomes (1) Rock Progressivo (1) Rodolover sai pra lá (1) Rodolover vai embora (1) Rodolover voltando (1) Rodolover volte a escrever! (1) Rodonasty e as russas (1) Rogério (1) Ronaldinho Gaúcho (1) Ronaldo (1) Rubinho Barrichelle (1) SUS (1) SWU (1) Selton Mello (1) Show me your genitals (1) Sicko (1) Simonal (1) Sintetizador (1) Snack Culture (1) Susan Boyle (1) TI (1) Tempo (1) Tenho amigos putanheiros (1) Tupiniquim (1) Twitter (1) Uniban (1) Urso polar (1) Usain Bolt (1) VMB (1) Vice (1) Victor Fasano (1) Virada Cultura (1) Wikipedia (1) World Cup (1) Xuxa (1) YouTube (1) Zeca Camargo (1) aba reta (1) acessibilidade (1) administradores (1) aeroporto (1) agência (1) alcool (1) animais (1) aniversário (1) ansiedade (1) aperto (1) artistas subestimados (1) asas (1) avião (1) bacon (1) banalização (1) bananas (1) bang (1) bebado (1) bebês (1) bla (1) blasé (1) blogueiros (1) bob marley (1) bolsa família (1) bolívia (1) borrifada maluca (1) borrifador ausente (1) borrifadores (1) borrifando (1) botafogo (1) branding (1) brega (1) briguinha (1) buffet (1) cantoras (1) caos (1) capitalismo (1) capitão nascimento (1) carioca (1) carro (1) carroceiros (1) casper (1) celebridades (1) chilli beans (1) chocolover (1) cigarro (1) classe (1) clichês (1) coca (1) coldplay (1) coletividade (1) combie (1) comunicação (1) condescendência (1) contigo (1) contradição (1) copa do mundo (1) cotidiano (1) crianças (1) crítica (1) culpados (1) death magnetic (1) deputado (1) desenvolvimento sustentável (1) diego alemão (1) dinheiro (1) dionisio (1) direitos (1) discos voadores (1) discurso vazio (1) dislexia (1) divulgação (1) drogas (1) eco 92 (1) ecochato (1) edmundo (1) egoísmo (1) elite (1) emburrece (1) emissora (1) emos (1) empregada (1) entretenimento (1) espetáculo (1) espm (1) estilista (1) estética (1) evo (1) exposição (1) extremismo (1) faap (1) fabio porchat (1) falta de classe (1) falta de paciência (1) favela (1) figurinhas (1) fim de ano (1) flamengo (1) flanelinhas (1) fluminense (1) formaturas (1) frase do Senna (1) funk (1) futebol americano (1) gal costa (1) games (1) gay (1) geeks (1) geleiras (1) google (1) grafite (1) greenpeace (1) gringos (1) gugu (1) gv (1) healthcare (1) helloween (1) hipsters (1) história (1) homer (1) homofobia (1) honda (1) humor (1) hype (1) id (1) igualdade (1) impunidade (1) incentivo fiscal (1) incompetência (1) individuaismo (1) industria fonográfica (1) informação (1) injustiça social (1) inovação tecnológica (1) internet (1) iron maiden (1) irresponsabilidade (1) irritação (1) joel (1) jon e kate + 8 (1) jovem pan (1) juliana paes (1) juscelino (1) katilce (1) king curtis (1) leci brandão (1) legado (1) lemmy (1) lepo lepo (1) liberdade de expressão (1) limitação mental (1) lindos são os passarinhos (1) live 8 (1) live aid (1) livros da fuvest (1) logos (1) loiras (1) loudness war (1) lula vieira (1) luxemburgo (1) mackenzie (1) macunaíma (1) maioria (1) mal humor (1) manifestações (1) marcelo dourado (1) marcelo tas (1) marimoon (1) mau humor (1) maus politicos (1) maísa (1) meirelles (1) melhor do Brasil é o brasileiro (1) melhores posts (1) mesmice (1) metrô (1) mondo entretenimento (1) monty phyton (1) morre (1) motorhead (1) mudar (1) musculação (1) musica boa (1) mãozinha (1) nardoni (1) natural step (1) neo-liberalismo (1) nerds (1) netinho (1) nostalgia (1) nyt (1) pablo (1) padrão de beleza (1) pais bundões (1) palhaçada (1) panda (1) paris hilton (1) patriotismo (1) paulistas (1) pc do b (1) pelé (1) pena sentimento pior (1) pessoas efusivas (1) phil barros (1) pobreza (1) poesia (1) polícia (1) ponte estaiada (1) português (1) posers (1) preconceito (1) premiação (1) promessas (1) protesto (1) psirico (1) publicidade (1) puc (1) punheta (1) qualidade (1) rabo (1) racismo (1) radiohead (1) reality show (1) record (1) red bull (1) reformulação (1) reggae (1) relacionamento (1) religiao (1) religião (1) repórteres folgados (1) respeito (1) rivalidade (1) robei o dia de alguém porque eu devia ter postado ontem (1) roberts (1) rodízio (1) roupas (1) ruas (1) saco (1) santa (1) sassaricar (1) saúde (1) selos (1) sem partido (1) semana (1) senso de humor (1) sentimentos (1) separatismo (1) serginho groisman (1) sexo oral (1) shows (1) silêncio (1) sistema de saúde (1) some daqui. (1) sos mata atlântica (1) status (1) stress (1) subúrbio (1) sucesso (1) sujeira (1) super legais (1) surf (1) telemarketing (1) torcida (1) track and field (1) transporte público (1) troca (1) tropa de elite (1) truculência (1) tráfico (1) universidades (1) vagabunda (1) vasco (1) velocidade (1) venda de CDs (1) verdade absoluta (1) vida (1) vinhos (1) violência (1) vôo (1) war (1) whatsapp (1) workshop (1) xixi no banho (1) zanola (1)

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Tudo que é proibido é mais gostoso.

Quem não concorda com o título, que faça um comentário me xingando.

Não gosto muito daquela frase: "No Brasil a lei é feita para não ser cumprida." - porque esse é um pensamento errado. No mundo inteiro o que é lei é lei e pronto, aqui quanto mais se cria leis, mais leis precisam ser criadas porque acham brechas nessa lei e alguém se sente no direito de não segui-la porque alguns podem e outros não. Ficou confuso? É, é assim mesmo que as leis no Brasil são feitas.

Porque aqui, nossos ilustríssimos políticos e homens da lei optam sempre pelo mais fácil, se tem algum problema, daqui pra frente é proibido! Vou dar alguns exemplos: A incompetência em organizar eventos esportivos fez com que proíbissem a venda de cervejas nos estádios de futebol, e isso comprovadamente não diminuiu a violência, pelo contrário, diminuiu a rentabilidade do espetáculo e deixou o público um pouco mais sem ter o que fazer, por isso não há um estádio no Brasil onde não se veja um monte de gente fumando maconha. Mas eu nunca vi nenhum comentarista esportivo defender o álcool nos estádios, porquê? Porque são hipócritas! Não tem um ali que nunca tomou uma cervejinha , ou que não goste de assistir a um jogo tomando uma. Ainda falando de futebol, no estado de São Paulo as torcidas são proibidas de entrar no estádio com as bandeiras com hastes de bambu, e só podem levar uma faixa e uma bandeira. Todo frequentador de estádio sabe que a grande maioria dos confrontos acontece fora do estádio, tudo que os nossos líderes conseguiram com essa lei foi deixar o evento ainda mais chato e deixar as torcidas organizadas longe de suas funções originais, afinal, elas não podem fazer nada!

Ainda falando de esportes, no Brasil é proibido qualquer tipo de aposta a não ser nos jogos da loteria federal. Aí entra também a proibição de cassinos e bingos. O real motivo pelo qual essas coisas são proibidas é a incompetência! A incompetência e a preguiça de se fiscalizar e organizar os jogos de forma limpa e lucrativa! Lucrativa, e mais uma forma de entretenimento que atrai multidões em países como Inglaterra e Austrália, onde das corridas de cavalo aos jogos de Rugby, as multidões que lotam arenas não deixam de consumir sua cerveja a 7 dólares e ainda fazer uma fézinha no seu time do coração, com a chance de ficar feliz em dobro ao final da partida.

Ainda falando de entretenimento, muita gente não sabe, mas muitos devem ter percebido que, de uns tempos pra cá, os shows de artistas internacionais no Brasil pareciam um pouco menos produzidos, com menos efeitos visuais. Não meus caros, não foram eles que deixaram os equipamentos lá fora para cortar os custos, foram os nossos líderes que proibiram qualquer tipo de pirotecnia em grandes espetáculos! Ao invés de ter de se preocupar com a segurança do público e dos artistas, fazendo com que o show aconteça de forma a emocionar os espectadores sem machucar ninguém, é muito mais fácil proibir, deixar mais sem graça, e ninguém nem vai ligar! E realmente, acho que ninguém percebe isso. As revistas não vão falar sobre a performance, a qualidade do som ou iluminação do show do Madonna! Vão falar quantas calcinhas ela vestiu e quantos energéticos ela pediu no camarim.

Dinheiro gera dinheiro !!! Um cassino, um bom espetáculo, ou até mesmo o futebol não podem ser enxergados como ameaças, e sim como oportunidades! Chega de hipocrisia, chega de falar que é o Brasil é um país livre se não podemos fazer nada! Nem comemorar o título do meu time eu pude, porque se não pode comemorar na Av. Paulista, onde eu posso comemorar? Não tem lugar? tudo bem, vou pra Paulista mesmo! Chego lá e sou recebido com bombas da polícia! Porque por causa de uns que quebraram e fizeram baderna da outra vez, ao invés de se criar uma logística lucrativa para a comemoração, com patrocínio de marcas grandes de cerveja shows de artistas nacionais famosos, preferiram ter apenas o gasto com a polícia. Proibiram qualquer coisa! E assim vamos proibindo até onde não tiver mais jeito de proibir nada.

Mas experimente falar sobre isso na televisão, principalmente na Rede Globo ou na MTV (que eu considero no mesmo nível de hipocrisia, só de que forma alternativa), o que vai vir de gente com corte Amelie Poulain na cabeça, falando que o povo devia se preocupar menos com shows e futebol, que isso é o Ópio do povo, que isso vai ser só uma forma de roubar mais dinheiro dos pobres. Isso é pensar pequeno! É por isso que somos e sempre seremos terceiro mundo!

Não sou totalmente contra a criação de leis, sou a favor de leis viáveis, que possam ser cumpridas em que a punição seja viável e sirva de exemplo! Como por exemplo o caso da lei seca, mas no meu próximo texto eu falo melhor sobre isso e sobre drogas, o lixo do cinema nacional e etc.

Inspiração óbvia de hoje: Breaking the Law - Judas Priest

6 Comentários:

Fester disse...

Rapaz.. muito bom seu texto! Espero um dia estar escrevendo assim!

So uma pequena lembrança da nossa Constituição Federal:

toda lei emana do povo, e para ele é exercida

Ou a gente aprende a votar, ou fica criticando por toda a eternidade, afinal, cara de político não queima.

Abraços!

Rafa disse...

Gostei do estilo do blog.

Continuem assim e sucesso para ambos.

abraço!

La Belle de Jour disse...

Você passou no meu orkut...

Sergio Dragonãoseioque disse...

Meu Deus....parece o Dad escrevendo. Concordo em genero, número e grau.
Bjs

politinagem disse...

Também não acho que repressão é o que resolve. Num país em que a cultura não é valorizada e as escolas são inócuas, pode-se esperar violência sem nexo de torcedores e policiais mesmo. Viu aquele caso em que o policial foi dar uma coronhada no torcedor e acabou atirando na cabeça dele? Não que o torcedor tivesse a razão, mas o policial que deveria ser treinado para garantir a segurança das pessoas e é pago para isso, usou de agreção burra e covarde para impor respeito.

dankar disse...

Legal bem interessante o texto

http://equipeinfortunio.blogspot.com/

Postar um comentário